Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Ai de Mim

02
Mar18

Carta a S. Pedro

Querido S. Pedro,

não sei o que se passa contigo para andares tão choroso. Diz-nos quem te deixou assim e nós fazemos-lhe todos uma esperinha.

Sabes que todos temos muito carinho por ti apesar de nem sempre to mostrarmos: no verão queixamo-nos que está muito calor e que gostavamos de viver dentro de uma arca frigorífica; na primavera e no outono dizemos que o tempo está tão esquisito que nem sabemos bem o que vestir, e no inverno resmungamos que temos que andar com o guarda chuva, casacos que não nos deixam mexer e dizemos que detestamos a chuva.

Nós nunca estamos bem com o que quer que tu nos ofereças. Quando está calor queremos um ventinho fresco, quando está chuva queremos céu limpo e nas estações de transição queremos que te decidas.

 

Ainda assim penso que nos podes ajudar e por isso deixo aqui a minha sugestão (depois cada pessoa deverá deixar também a sua):

No inverno não precisas de chorar tanto. Os rios enchem muito, há inundações e muitas pessoas acabam por ter as suas casas e estabelecimentos com muita água. O problema não é molhar um pouco os pés, mas sim o estado em que ficam as coisas. Nós adoramos água, mas não a ponto de pedirmos inundações porque os móveis ficam estragados, há objetos/materiais que são arrastados e nunca mais os conseguimos encontrar. E caso os animais fossem apanhados no meio disto tudo seria uma sorte se sobrevivessem. Mantem a chuva, mas regula um pouco a torneira por favor.

No verão é o oposto, mas os estragos são também muito grandes. Há aí gente que se diverte a atear fogo às florestas, vê lá tu. Podias colaborar connosco e no verão trazias calor durante o dia, mas à noite podias reservar 1 ou 2 horas para regar os campos e torná-los mais verdes. Isso vai dificultar a propagação do fogo.

E nas estações de transição, quando quiseres dar-nos sol, não nos dês ao mesmo tempo vento frio, mas uma aragem morna. Quando nos quiseres dar chuva liga um pouco o aquecedor para que, pelo menos, a roupa e os sapatos sequem depressa.

 

Penso que não pedi nada de especial e como me tenho portado bem tenho a certeza que mereço que analises a minha carta e que tentes ajustá-la às sugestões das outras pessoas bem comportadas.

 

Pedrito - até parece que já nos conhecemos há vinte e tal anos -, posso contar contigo?

3 opiniões

opinar sobre isto

Quem é esta?

foto do autor

acompanhem também aqui

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

GoodReads

2018 Reading Challenge

2018 Reading Challenge
Ana has read 18 books toward her goal of 20 books.
hide

arquivo vivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D