Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Ai de Mim

13
Ago18

Ladrões do Tempo

Fui assaltada pelos ladrões do tempo e apresentei queixa.
Queixei-me a toda a gente conhecida, fui falar às árvores, contar ao mar e explicar ao deserto que eles me tinham levado o tempo do qual eu tanto estava a precisar.
Comecei a sentir-me mais velha, mais cansada e desmotivada. A paciência começou a ser cada vez mais escassa.
A determinada altura apercebi-me que apresentar queixa de nada me iria servir. Eu teria que ir atrás dos ladrões do Tempo e recuperar o Tempo que levaram sem a minha autorização.
Meu caro leitor, neste momento estás a rir de mim por achares que eu acreditei que iria recuperar o meu Tempo intacto.
Oh, teria sido bom, mas eu já sabia que iriam haver horas, minutos e segundos irrecuperáveis. Mas nem tudo se perdeu, longos anos e alegrias foram resgatados.
A prova disso é o sorriso que trago comigo todos os dias.
 

Ladrões do Tempo

(imagem encontrada aqui

 
Texto da minha autoria, em parceria com a Ana Margarida Rodrigues (A Alfacinha) que me deu o tema a desenvolver :)

 

2 opiniões

opinar sobre isto

Quem é esta?

foto do autor

acompanhem também aqui

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

arquivo vivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D